FANDOM


Aria
Aria.jpg
Nome
Tradução Ária
Dados Gerais
Dados Pessoais
Gênero Feminino
Idade 13 anos
Local de Nascimento Itália
Dados do Treinamento
Dados do Mangá/Anime
Estréia Episódio 08 (Os Cavaleiros do Zodíaco Ω)
Seiyū Mamiko Noto
Dublador Flora Paulita

A jovem aclamada como Atena pelos marcianos e pelo diretor de Palaestra possui um poderoso cosmo iluminado, que é utilizado para propósitos malignos. O colar em seu pescoço lhe inflige grande dor à medida que emana seu cosmo ao mesmo tempo em que é privada de conviver com outras pessoas. Quando conhece Kouga em Palaestra, as engrenagens do destino começam a se mover!

Descrição da personagem no site da Toei.

Ária (アリア Aria) é uma personagem exclusiva do anime Os Cavaleiros do Zodíaco Ω. Esta jovem do século XXI possui um imenso cosmo de luz, e foi criada junto com Éden de Órion. Infelizmente, ela foi forçada a se passar pela deusa Atena até morrer pelas mãos de Marte. [1] [2] [3] [4]

Personalidade e Aparência

Ária é uma jovem pálida de cabelos e olhos azulados. Suas vestimentas são típicas de uma sacerdotisa grega em tempos de festividades. As roupas de Ária são brancas e leves. Mesmo privada de sua liberdade, Ária sempre mostrou-se uma menina tímida, principalmente diante de coisas que ela jamais vira antes. Seus olhos, antes emanavam um profundo vazio, como se ela não tivesse memória, mas após conhecer Kouga e seus amigos, eles ficaram mais límpidos; embora qualquer um conseguisse perceber uma profunda tristeza, principalmente pelo fato de Ária sentir-se culpada por ter colaborado de certa forma com os planos de Marte. De uma coisa ela tinha certeza: Ária não se considerava a 'Atena' do novo século; tudo o que ela queria era estar ao lado de seus amigos para ajudá-los no que fosse preciso, mesmo a custa de seu sacrifício. [2] [3] [4]

Antes, Ária parecia uma marionete fosse nas mãos do deus Marte quanto nas de Ionia de Capricórnio. Apesar de implorar pela ajuda de alguém, Ária viu-se livre do controle de seus inimigos quando o cosmo de Kouga de Pégaso ressou com o dela. Desde então, a menina passou a enxergar Kouga como alguém tão especial quanto Éden, seu amigo de infância. Além de possuírem os mesmos atributos elementais cósmicos, Ária e Kouga compartilhavam uma história triste que envolvia Saori Kido e os lendários Cavaleiros de Bronze. A gentileza de Ária sempre ficava evidente quando ela alertava seus amigos sobre a aproximação de algum inimigo ou tentava protegê-los. Embora não adiantasse muito, ela tentou prevenir Kouga sobre a presença de Ionia, ciente que o rapaz jamais teria chances de vencê-lo - pelo menos naquele momento. A jovem Ária, por exemplo, também tentou proteger a pequena Raki, quando esta foi ameaçada pelo Cavaleiro de Prata, Dorer de Cérbero. [2] [5] [6]

Histórico

Infância

Koga y aria.jpg

Ária e Kouga quando bebês

Durante a primeira guerra entre Atena e Marte, um meteoro caiu no campo de batalha, e dois bebês, Ária e Kouga, estavam no colo de seus supostos pais. Quando Atena viu que os bebês ainda estavam vivos, ela usou seu cosmo de luz para impedir a morte deles. Porém, no choque do cosmo de luz de Saori contra o meteoro convocado por Medea, um novo poder foi despertado - dá-se início ao conceito dos elementos da natureza no universo de combates dos cavaleiros e seus inimigos, os marcianos. Contudo, as trevas ricochetearam e se espalharam pelo campo de batalha, acertando Marte e Kouga. [7] [5]

Na tentativa desesperada de salvar o bebê Kouga, Saori arriscou sua vida, pulando sobre ele e usou seu cosmo para afastar as trevas dele. Enquanto Ária foi levada por Marte, Kouga ficou sob os cuidados de Saori. Marte, logo percebeu o imenso cosmo que a garota possuía, e a manteve sob seus cuidados para usar o poder dela em futuros combates. A pequena Ária ficou sob a tutela de Medea, a mãe de Éden, e sob proteção direta dos marcianos, que acreditavam na promessa da Nova Atena reconstruir o mundo ao lado do deus Marte. Ária cresceu confinada numa torre, sendo visitada ocasionalmente pelo pequeno Éden; este, por sua vez sempre tentava fazê-la sorrir, trazendo-lhe presentes, desde flores até um brinco, mas a infelicidade da garota era grande demais para que ela pudesse esboçar algum sorriso. Apesar de Medea ordenar ao seu filho que não visitasse a pequena Ária, ele sentia que deveria lutar também pelo bem-estar dela como um Cavaleiro de Atena. A teimosia de Éden e os bons sentimentos de Ária criaram um forte vínculo entre eles, sendo que o brinco que a jovem recebera de presente, significava muito para ela - não menos importante do que a vida dele. [5] [8] [3]

Em Palaestra

Riaa345.jpg

A estreia de Ária

Durante o Grande Torneio dos Cavaleiros, Atena supostamente chegou à Palaestra numa majestosa carruagem voadora, onde foi recepcionada pelo diretor Ionia e acompanhada até seus aposentos por damas de companhia, responsáveis por cuidar da jovem, desde pequena. Kouga de Pégaso invadiu os aposentos de Atena na tentativa de reencontrar Saori Kido, e descobriu que a suposta deusa era, na verdade, Ária. Quando o rapaz a tocou, uma forte ressonância ocorreu entre seus cosmos, fazendo com que Ária saísse do misterioso transe no qual se encontrava. Ela caiu em prantos, confusa e sem saber quem era na realidade. Kouga, muito preocupado, tentou ampará-la, mas foi atacado e derrotado pelo diretor de Palestra, e também Cavaleiro de Ouro,  Ionia de Capricórnio. Ele usou seu cosmo das trevas para submeter Ária ao seu comando novamente. Assim, a garota foi forçada a utilizar seu cosmo para destruir a barreira de Atena que protegia Palaestra, levando ao subsequente ataque dos marcianos e à destruição da escola. [2] [9]

Torre de Babel

Ssomega11-1dbc.png

Ária sendo escoltada por Yuna de Águia

Ionia, então, partiu com Ária em direção ao Santuário de Atena. Lá, Marte já os esperava. O deus da guerra também utilizou os poderes da jovem para propósitos malignos: a destruição das Doze Casas do Zodíaco, e em seu lugar ergueu a Torre de Babel. Ária foi colocada num dos andares da torre para que a estabilizasse através de seu cosmo. Ária foi resgatada pela ação conjunta dos Cavaleiros de Bronze, e logo depois ficou sob a proteção de Yuna de Águia enquanto Kouga e os outros enfrentavam outro Cavaleiro de Ouro, Micenas de Leão. Posteriormente, para protegê-la, Yuna e Soma de Leão Menor tiveram de enfrentar Sônia de Vespa e os Cavaleiros de Prata traidores, Miguel de Cães de Caça e Johann de Corvo.Após o grupo se reunir novamente com Kouga, Ária também passou a ser sempre protegida pelos Cavaleiros de Bronze, Ryûhô de Dragão e Haruto de Lobo . Tal como Kouga, ela não conhecia praticamente nada sobre o mundo e sempre reagia com espanto ou fascinação às coisas mais simples que alguém podia encontrar durante a vida. [9] [10] [11] [12]

A Viagem pelas Ruínas

Ária informou aos Cavaleiros de Bronze sobre as Ruínas, os resquícios de alguns templos espalhados pelo mundo, que fortaleciam a Torre de Babel. Ela decidiu guiá-los para destruir os núcleos cósmicos, dispositivos capazes de sugar o cosmo do planeta Terra. Ária se mostrou alguém essencial durante a viagem, visto que seu cosmo, junto com o de outro cavaleiro que regesse algum elemento da natureza, em questão. A junção dos cosmos era necessária para destruir o sistema de absorção cósmica dos núcleos. Com o auxílio dos Cavaleiros de Bronze, Ária conseguiu ajudá-los a obter os Cristais Cósmicos do Vento, da Terra, do Fogo e da Água. Ao se dirigirem às Ruínas do Trovão, Ária foi interceptada por Éden, sendo que este, como um dos filhos do deus Marte, sentia-se envergonhado e enciumado por permitir que os rebeldes de Bronze a tivessem levado embora. Éden derrotou Kouga e Yuna sem muitas dificuldades; mas para evitar que Éden matasse Kouga, Ária aceitou ser conduzida de volta ao castelo de Marte. [10] [11] [12] [13] [14] [15] 

Ômega-Kouga-e-Aria34334.jpg

Kouga e Ária juntos.

De volta ao Castelo de Marte, Ária percebeu que Éden sempre quis o seu bem, mas o rapaz sentia profundo remorso por obrigá-la a fazer algo que não gostava; ainda mais que Ária já havia se afeiçoado aos Cavaleiros de Bronze. Quando questionada por Éden sobre seus desejos, Ária revelou que queria ir até as Ruínas do Trovão. Éden aceitou a decisão dela e decidiu conduzi-la até lá. Nas Ruínas do Trovão, Ária olha ansiosa para o horizonte, esperando a chegada dos cinco Cavaleiros de Bronze. Éden já sabia que essa era a intenção de sua amiga, e nem fez questão de esconder as suas intenções de derrotá-los em nome do Império de Marte. Quando eles finalmente chegaram, tanto Ária quanto Éden perceberam que Kouga estava revitalizado. Enquanto os Cavaleiros de Pégaso e de Órion se enfrentavam novamente, Shina de Cobra, a mestra de Kouga, apareceu possa destruir o Núcleo Cósmico do Trovão com a ajuda de Ária. Após a destruição deste, a jovem Ária tentou impedir o combate entre Kouga e Éden, mas seu grande cosmo reagiu às trevas do campo de batalha e inesperadamente todos foram levados até as misteriosas Ruínas das Trevas. [3] [16] [17] [18]

As Ruínas das Trevas

Arrdssdies.jpg

Ária é atingida pela lança de Marte.

Nas Ruínas das Trevas, Ária enfrentou uma ilusão criada pelo terrível cosmo da escuridão. Apesar de quase sucumbir, ela sentiu que Éden estava em perigo, e conseguiu usar seu poder para salvar tanto ele quanto Kouga, que também estava prestes a sucumbir após testemunhar uma terrível ilusão sobre Saori Kido. Enfim, todos se reúnem aos outros Cavaleiros de Bronze e, Sônia de Vespa que havia recebido ordens de proteger Éden a qualquer custo e ajudá-lo a levar Ária até o Castelo de Marte novamente. Porém, o deus da guerra mudou seus planos e decidiu invadir o local, almejando levar Ária por conta própria. Os Cavaleiros de Bronze tentam protegê-la e Éden fica em estado de choque por ver que seus entes queridos, Ária e Marte estavam prestes a se enfrentar. Infelizmente, os Cavaleiros de Bronze não foram páreos para o poder de um deus tão maligno quanto Marte. Ao ver seus amigos no chão, Ária decidiu lutar junto com eles. [19] [4] 

SaintSeiyaOmega9zd.jpg

A determinação de Ária e dos Cavaleiros de Bronze

Os Cristais Cósmicos, reunidos durante a viagem, reagem ao cosmo da jovem, e se transformam numa poderosa lança dourada. O deus Marte não demorou a constatar que Ária despertara finalmente como a Atena do novo século. Ária foi capaz de deter os ataques de Marte, forçando-o a assumir uma nova e mais poderosa aparência. Mesmo Marte derrubando os cavaleiros repetidas vezes, Ária, com a Luz de Atena, conseguia reanimá-los. Kouga de Pégaso finalmente consegue desferir um golpe no rosto de Marte, deixando-o completamente furioso. Dominado pela raiva, o deus Marte usou seu poder para perfurar o peito de Ária com uma enorme lança vermelha. Enquanto a jovem agonizava no chão, Marte não apenas roubou o cosmo que ela ainda emanava como também sua lança dourada. O deus se retira do campo de batalha, salvando a vida de Sônia e de Éden, que chorava desesperadamente pelos tristes acontecimentos. Em seus últimos momentos, Ária agradece seus amigos por terem sidos gentis e por terem lhe proporcionado momentos felizes. Ela pede a todos que impeçam Marte de destruir o planeta Terra e que não percam mais tempo; a jovem utiliza suas últimas forças para enviar Kouga e os outros a um dos pontos mais altos da Torre de Babel, onde estava a entrada para as Novas Doze Casas do Zodíaco. Após agradecer seus companheiros e se despedir deles, Ária desaparece nas profundezas das Ruínas das Trevas. [4] 

As Novas Doze Casas do Zodíaco

Aria in Thunder Ruins.jpg

Ária nas Ruínas do Trovão.

Com a lança dourada de Ária em suas mãos, o deus Marte terminou a construção da Torre de Babel, instituindo o novo Santuário em seu topo, envolvendo as Novas Doze Casas numa gigantesca espiral iluminada até os céus. Acima da Sala do Grande Mestre, o deus fincou a relíquia dourada para canalizar o cosmo reunido na Torre de Babel até o planeta Marte. O objetivo do inimigo era fazer com que o planeta vermelho se tornasse o tão sonhado Novo Mundo, onde todos poderiam viver em paz e harmonia. Os Cavaleiros de Ouro já haviam sido todos reunidos até o Novo Santuário e estavam preparados para lutar em nome de Marte, contudo, conforme as antigas Guerras Santas, haviam aqueles dispostos a lutar pela paz e amor na Terra, ainda fiéis à deusa Atena. Mesmo em espírito, Ária ajudou Éden a compreender que os ideais de Marte eram errados e cruéis. Ela também ajudou Kouga, junto de Saori, a despertar o Sétimo Sentido e derrotar Ionia de Capricórnio. [20] [21] [8] [22]

Batalha no Planeta Marte

Após Éden e Kouga derrotarem o deus Marte, a lança dourada de Ária foi levada para o planeta Marte, onde foi encarcerada num grande cristal. Medea, a esposa de Marte e mãe de Éden, mostrou-se disposta a criar um Novo Mundo, porém sob as ordens de Apsu, o infame deus da escuridão. Éden tentou recuperar a relíquia, mas foi obrigado a enfrentar sua própria mãe. O Cavaleiro de Órion estava disposto a matá-la em nome de Atena, mas o espírito de Ária, intercedeu por Medea, protegendo-a. A feiticeira se mostrou surpresa por jamais esperar que a jovem, mesmo morta, fosse proteger alguém que rejeitou a Luz por tantos anos. Éden recupera a lança dourada para expurgar Apsu, que havia possuído Kouga de Pégaso, na esperança de prendê-lo novamente no Mundo da Escuridão; porém seus planos não saem conforme o esperado e a relíquia dourada é destruída. Após Éden ser derrotado, Kouga, já livre do controle do mal, se encarrega de deter Apsu e suas trevas. Quando o Cavaleiro de Pégaso estava prestes a ser morto pelo deus, os fragmentos do báculo de Ária reagem, protegendo-o e distraindo Apsu, por breves instantes, ajudando Kouga a derrotá-lo definitivamente. Após o término da batalha, o espírito de Ária reaparece para agradecer Kouga por seus feitos heroicos e sua luz se espalhou por toda a Terra, ajudando o planeta a recuperar o esplendor de antes. Não apenas Saori Kido, que fora salva, como os demais cavaleiros recuperam as habilidades de antes, que haviam sido privadas por causa dos poderes das feridas das trevas. [23] [24] [25] [26] [27]

A Vigília de Éden

Após a derrota de Apsu, Éden construiu um túmulo para Ária, Sônia, Medea e também Ludwig, a reencarnação do deus Marte. Não se sabe ao certo, mas o Cavaleiro de Órion também construiu os túmulos para os Cavaleiro de Ouro, Micenas de Leão, que fora seu mestre, e Amor de Peixes, seu tio e também, irmão caçula de Medea; Possivelmente, por respeito ao seu pai, Éden também construiu o túmulo de Misha, sua madrasta. Desde então, ele passou a ir visitá-los e a tocar piano todos os dias, na esperança de confortá-los. No começo da batalha entre Atena e a deusa Pallas, Éden recebe a visita de Europa, um pallasita de segunda classe, que fora até o local para pedir que ele eliminasse os demais Cavaleiros de Bronze. Durante a luta, o pallasita Thebe destruiu o túmulo de Ária, o que provocou Éden ao extremo. O Cavaleiro de Órion quase conseguiu matá-lo. Antes de partir para enfrentar os pallasitas, Éden se despede do túmulo de sua falecida amiga. [28]

Habilidades

Ria e Haruto.jpg

Ária auxiliando Haruto de Lobo.

O elemento de Ária é a Luz. O brilho de seu cosmo de luz foi notado, por diversas vezes, como equiparável ao brilho do cosmo de Atena. Durante a luta contra Marte na Ruína das Trevas, Aria despertou seu verdadeiro poder, e com seu cosmo usou os Cristais Cósmicos de seus amigos para criar uma poderosa lança dourada. Assim, ela mostrou-se capaz de enfrentar o deus, junto de seus amigos, por alguns momentos, dispersando seus ataques. De acordo com Marte, Ária finalmente havia despertado como a Atena do novo século. Ao utilizar seu cosmo, a jovem Ária também conseguiu fazer com que áreas inóspitas voltassem a vida, acelerando, por exemplo, o metabolismo de plantas. Além disso, embora não tão evidenciado quanto na série clássica, a menina também mostrou excelentes dons com a música e vivia cantando, para não se sentir sozinha na torre na qual fora encarcerada. A melodia de Ária era tão profunda que fazia com que até o mais terrível dos marcianos demonstrasse seus verdadeiros sentimentos - conforme aconteceu com Sônia de Vespa, que por vezes, a considerou um incômodo para todo o Império de Marte, após a morte de Kazuma de Cruzeiro do Sul. Outra habilidade notável, demonstrada em seus últimos momentos, foi transportar os Cavaleiros de Bronze através de seu poderoso cosmo até a entrada das Doze Casas do Zodíaco - assemelhando-se à Saori, na série clássica, quando esta assim o fez para impedir que seus cavaleiros morressem afogados diante da ruína do Império de Poseidon. [2] [9] [19] [29] [20] [30] [8]

Curiosidades

  • Embora não haja notas oficiais a respeito, acredita-se que o nome da personagem seja baseado na ária moderna, uma composição musical escrita por um cantor solista, sendo mais aprofundada para óperas e cantatas. Devido aos incidentes envolvendo a queda do meteoro negro à Terra, ela é considerada, pelos fãs como a irmã de Kouga de Pégaso, que só se reencontrariam treze anos após a Guerra Santa entre Marte e Atena. Portanto, Kouga e Ária teriam a mesma idade; [5]
    Convallaria majalis 0002s.JPG

    Lírios do Vale.

  • A leitura dos ideogramas que compõem o nome da personagem também podem ser lidas como alia (outra, em italiano), uma alusão a função da jovem como a Outra Atena, mantendo o padrão de nomes italianos na primeira temporada da série. Ária, a Nova Atena, também é descrita com um cosmo tão poderoso capaz de romper a barreira erguida por Saori Kido para proteger Palaestra. A outra leitura é alya ou aliyah, palavras oriundas do hebraico, cujo significado é ascensão (עלייה). A outra função da jovem era sustentar a Torre de Babel, mencionada nas tradições do povo hebreu como uma edificação construída pelos humanos, objetivando alcançar os céus; [31] [32]
  • Ária e Éden - a história deles é similar ao do conto infantil dos Irmãos Grimm , Rapunzel , cuja protagonista também é encarcerada numa torre e sendo visitada ocasinalmente por aquele que seria seu futuro marido. Na série Ômega, os sentimentos de Éden por Ária são mais evidentes, mostrando um forte contraste entre o amor e a amizade; [33]
  • As flores acariciadas por Ária no 10º episódio são conhecidas como Lírios do Vale ou Convalarias (Convallaria majalis). São flores predominantes no Hemisfério Norte, cujo símbolo é a pureza e a modéstia. Estes lírios também são valorizados por suas propriedades medicinais, embora sejam extremamente letais na flora selvagem. Na série Ômega, estas flores representam não apenas a pureza da personagem, mas também os riscos que o poder dela pode representar se usado incorretamente. Ária desempenha o papel de uma kagemusha, isto é, uma pessoa encarrega de salvar o mundo e suportar todas as dificuldades impostas - descrita em lendas japonesas, como um guia espiritual ou até mesmo um Salvador. Esta palavra, kagemusha também está atrelada a sombra - o que reforça a ideia de Ária ser apenas uma sombra de Atena controlada pelo deus das chamas da guerra, Marte. [34]

Frases

  • "Nós temos que deter a luz, que está indo em direção à Babel. O cosmo está em todas as coisas, não apenas nos humanos." — Ária explicando alguns detalhes do plano de Marte para os Cavaleiros de Bronze. [11]
  • "Não deixe que o Pégaso da Luz se torne o Pégaso das Trevas. Está tudo bem! Você consegue resistir à escuridão!" — O pedido de Ária a Kouga. [4]

Galeria de Imagens

  • Ária em dúvida.
  • Esboço - Ária (idealizada por Shingo Araki).
  • Ária e um tímido sorriso.
  • Ária e sua poderosa lança de luz.
  • Lamentos da jovem.
  • Ária firme e decidida.
  • Ária indecisa.
  • Ária e Kouga - Ressonância Cósmica.
  • Lágrimas nos olhos da jovem iluminada.
  • O aspecto sereno de Ária.
  • A felicidade da infante Ária.
  • Ária em seus aposentos.
  • Ária - criança.
  • Ária ergue sua lança dourada.
  • Ária cortejada por Ichi.
  • O olhar estarrecido de Ária.
  • Éden e Ária.
  • Haruto, Souma e Ária (da esquerda para a direita).
  • Ária salvando Kouga das trevas.
  • Ária pedindo um favor a Éden.
  • Yuna e Ária se divertem.
  • Ária perdida em pensamentos.
  • Ária agonizante.
  • Ária agonizante (II)
  • Ária (Imagem completa - frente e costas).
  • Ária (Imagens de perfil).
  • Ária curiosa.
  • Ária e Éden sérios.
  • Ária e Kouga em Palaestra.
  • Ária confortando Éden.
  • Ária cantando.
  • Ária perdida em pensamentos.
  • A infante Ária tocando um piano de brinquedo.
  • Ária e Éden nas Ruínas do Trovão.
  • A reaparição de Ária.
  • Um triste adeus.
  • Ária. - (Chrono Crusade editado).

Referências Bibliográficas e Notas

  1. 東映アニメーション. Toei Animation. Perfil da personagem (em japonês);
  2. 2,0 2,1 2,2 2,3 2,4 第08話. 宿命の出会い! 衝撃の黄金聖闘士 (ゴールドセイント)! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 08. Toei Animation. TV Asahi. Informação publicada em 12-08-2013.
  3. 3,0 3,1 3,2 3,3 第21話 とべないペガサス! 喪失からの旅立ち! | ストーリー | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日. Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 21TV Asahi. Informação publicada em 12-08-2013.
  4. 4,0 4,1 4,2 4,3 4,4 第27話 旅の終焉! 少女の光と若者たち! | ストーリー | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日. Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 27. TV Asahi. Informação publicada em 12-08-2013.
  5. 5,0 5,1 5,2 5,3 第45話. 荒ぶる軍神! マルスとルードヴィグ! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 45Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 17-02-2013;
  6. 第17話. 守るべきもの! 聖衣(クロス)の修復師と伝説の鉱石! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 17. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  7. 第12話. 受け継がれる小宇宙 (コスモ)! 伝説の聖闘士(セイント)、瞬! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 12. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  8. 8,0 8,1 8,2 第35話. 獅子の拳! エデン、傷心の闘い! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 35. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013;
  9. 9,0 9,1 9,2 第09話. 聖域の危機! 忍者聖闘士 (セイント)、駆ける! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 09. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  10. 10,0 10,1 第10話. 決死の奪還! もう一人の黄金聖闘士 (ゴールドセイント)!| 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 10. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  11. 11,0 11,1 11,2 第11話. アリアを守れ! 追跡者ソニアの襲撃! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 11. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  12. 12,0 12,1 第15話. 迫る毒牙! 陰謀うずまく第二の遺跡! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 15. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  13. 第18話. 復習の炎! 蒼摩、因縁の闘い! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 18. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  14. 第19話. 五老峰の秘密! 継承せよ、父、紫龍の闘志! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 19. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  15. 第20話. アリアのために! エデン、怒りの雷撃! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 20. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  16. 第23話. 敵陣突入! 若き聖闘士 (セイント)、再集結! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 23. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  17. 第24話. 再会を目指して! 行け、最後の遺跡へ! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 24. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  18. 第25話. 未知なる領域! めぐりあいの時! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 25. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  19. 19,0 19,1 第26話. 追憶と復讐! 闇の遺跡の罠! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 26. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  20. 20,0 20,1 第28話. 最強の軍団! 黄金聖闘士 (ゴールドセイント) 集結! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 28. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  21. 第29話. 新たな闘いの幕開け! 黄金十二宮! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 29. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  22. 第42話. 裏切りの黄金聖闘士(ゴールドセイント! イオニア対光牙! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 42. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  23. 第46話. 光牙とエデン! 若き小宇宙 (コスモ) よ闇を討て! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 46Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 17-02-2013;
  24. 第47話. わずかな希望! 新たなる闘いの地! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 47. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  25. 第49話. 闇の支配者! アプスの恐怖! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 49. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  26. 第50話. 星矢に届け! 若き聖闘士 (セイント) 達の願い! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 50. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  27. 第51話. 輝け光牙! 光と闇の最終決戦! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 51. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  28. 第57話. ペガサスを倒せ! 孤高の戦士エデン! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 57. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 02-11-2013.
  29. 第40話. ソニアの覚悟! 因縁の連鎖を断て! | 聖闘士星矢Ω! テレビ朝日| Os Cavaleiros do Zodíaco Ω (Saint Seiya Omega), episódio 40. Toei-anim.co.jp. TV Asahi. Página visitada em 12-08-2013.
  30. セイントセイヤ - 聖闘士星矢 (Seitōshi Seiya - Seinto Seiya).Os Cavaleiros do Zodíaco - animê (ep. 114);
  31. TUCKER, Hugh Clarence; Brown, Jr, William Cabell; Campos Pereira, Eduardo; de Oliveira Campos, Hipólito; Trajano, Antônio B; Borges Teixeira, Alfredo; Meyer, Alberto; Kyle, John M et al. (2 010) [1 917], Bíblia sagrada - Gênesis: 11:1-9 tradução brasileira (com referências ed.), Barueri, SP, BR: Sociedade Bíblica do Brasil, ISBN 978‐85‐311‐0283‐7.
  32. 365 Kanji - Os 365 Kanji fundamentais para o seu dia-a-dia no Japão(et. al). São Paulo, Editora JBC: 2005.
  33. [1]Jacob and Wilhelm Grimm (1884) Household Tales (English translation by Margaretmm Hunt), Rapunzel
  34. Sunset Western Garden Book. 1995: pág. 606-607.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória