FANDOM



Silencioso deus demoníaco que convida os seres humanos a um sono mais profundo que a morte.

Enciclopédia Oficial.

Hypnos (ヒュプノス, Hyupunosu) é um dos deuses mensageiros de Hades na série Os Cavaleiros do Zodíaco criada por Masami Kurumada.


Origem do nome

Hypnos ou ainda Hipnos (do grego Ὕπνος/ Hypnos, "sono") é o deus do sono propriamente dito, mas não do cansaço, retratado como um homem de cabelos e olhos dourados. Filho sem pai de Nix, deusa da noite, tem outros nove irmãos, dos quais seu irmão gêmeo, Thanatos, deus da morte, se destaca. Seu equivalente romano é Somno.

Características

Aparência

Fisicamente, Hypnos é exatamente igual a seu irmão gêmeo Thanatos, diferindo-se unicamente pela cor dourada de seus olhos e cabelos.

Personalidade

Diferente de seu irmão, Hypnos se mostra bastante calmo e controlado, nunca deixando-se levar pela raiva. Mesmo sendo um deus, reconhece a força dos Cavaleiros, chegando advertir Thanatos por mais de uma vez que não devia subestimar o poder do oponente. Ao enfrentar os Cavaleiros adota uma postura cautelosa e prudente, sabendo que cometer o mesmo erro do irmão causaria sua derrota.


Histórico

Passado

Pandora liberta os Deuses Gêmeos

Pandora liberta os Deuses Gêmeos

Treze anos antes do início da Guerra Santa de XX, no Castelo  de Heinstein, na Alemanha, Pandora encontra na propriedade da família uma caixa contendo o Selo de Atena. Ao removê-lo acaba libertando os deuses gêmeos Thanatos, Deus da Morte, e Hypnos, Deus do Sono.

Thanatos avisa que Hades logo renasceria no mundo mortal como irmão mais novo de Pandora, devendo ela proteger a alma do Imperador das Trevas, bem como o poder de comandar os 108 espectros. Se fizer tudo adequadamente, poderia receber a vida eterna. Dito isso, os deuses se vão, passando a aguardar o momento do despertar de Hades.


Batalhas nos Campos Elíseos

Hypnos intervém na execução de Seiya

Hypnos intervém na execução de Seiya.

Hypnos não se envolve diretamente na maior parte dos combates, se manifestando apenas quando os Cavaleiros chegam aos Campos Elíseos. O Deus do Sono aparece pela primeira vez para impedir seu irmão gêmeo Thanatos de execuar Seiya de Pégaso, utilizando como argumento o fato de que os Campos Elíseos nunca foram maculados de sangue. Thanatos rebate que permitir a permanência do Cavaleiro macularia o lugar de qualquer jeito. Hypnos ignora esse comentário, mencionando a atitude leviana com que o irmão tratava a vida dos humanos, em especial porque o mesmo havia matado Pandora. Thanatos se justifica dizendo que Pandora havia traído Hades ao entregar a chave de passagem a um Cavaleiro - Ikki de Fênix. Apesar disso, Hypnos achava Pandora uma fiel aliada, pois cuidou da alma do imperador do submundo, bem como liderou os 108 espectros. Thanatos apenas diz, em tom de escarnio, que os dois poderiam fazer tudo sozinho, como o próprio Hypnos ao matar Atena. O deus do sono confirma ter capturado Atena sem dificuldades, porém revela não tê-la matado.

Ao mesmo tempo que Thanatos questiona a atitude do irmão de não haver matado o inimigo, Seiya recobra os sentidos e questiona Hypnos diretamente sobre o paradeiro de Atena. Hypnos aponta a direção onde o corpo de Atena está, indicando o Templo de Hades, onde o verdadeiro corpo do imperador do submundo era mantido. Hypnos comenta que Atena estava em um tipo de sono, presa no interior de um vaso o qual aos poucos sugaria todo o sangue da deusa. Sem perder tempo, Seiya parte para resgatar Atena.

Thanatos comenta não se importar se os Campos Elíseos seriam manchados com sangue, mas que iria matar o Cavaleiro de Pégaso. Hypnos não mostra objeções, mas pede que o irmão fizesse o trabalho de forma rápida, não permitindo que o sangue de um Cavaleiro maculasse o Templo de Hades. Quando Thanatos ataca e Seiya se esquiva, contra-atacando com seus Meteoro de Pégaso, Hypnos avisa o irmão que dado as circunstâncias Seiya não seria um rival qualquer, e exigiria mais que simples golpes para eliminá-lo.

Hypnos não fica para assistir o combate, regressando para seu próprio templo. Com a demora de Thanatos, Hypnos vai se preocupando. Finalmente, ao sentir o elevar constante do Cosmo dos Cavaleiros, Hypnos regressa ao cenário da batalha, a tempo de ver Seiya vestido com uma nova Armadura de Pégaso. Aquela, segundo Hypnos, seria uma Armadura Divina, versão mais próxima a aquelas utilizadas pelos doze deuses do olimpo. O novo traje significava que Seiya não era mais um simples Cavaleiro de Bronze, algo que Thanatos discorda. A situação, contudo, é exatamente como Hypnos diz e Thanatos acaba morto por Seiya.

Hypnos - Sonolência Eterna

Hypnos ataca Shun com seu Sonolência Eterna.

Hypnos interpõem-se no caminho, tendo o elmo de sua Sobrepeliz destruída pelo Meteoro de Pégaso. kki então decide enfrentar Hypnos para que Seiya possa ir atrás de Atena. Quando o deus ia matar Ikki, Shun de Andrômeda intervém, também demonstrando sua Armadura Divina. Enfrentando o deus do sono, Shun consegue atingir Hypnos com seu ataque Onda Relâmpago. Apesar disso, Hypnos vira o jogo e coloca o Cavaleiro de Andrômeda fora de ação com seu Sonolência Eterna.

Hypnos é derrotado por Shiryu e Hyoga

Hypnos é derrotado por Shiryu e Hyoga.

Prestes a eliminar Shun, Hypnos é novamente surpreendido, dessa vez por Shiryu de Dragão e Hyoga de Cisne, ambos trajando Armaduras Divinas. Hypnos não hesita e faz uso de sua técnica mais uma vez. Tanto Shiryu quanto Hyoga, porém, já haviam visto o ataque de Hypnos e o evitam, derrotando o deus do sono com um único ataque. Antes de morrer, Hypnos fala para os Cavaleiros deterem Seiya de Pégaso e Ikki de Fênix que tinham despertado o verdadeiro corpo de Hades, dizendo que se ele fosse despertado, ele, os Cavaleiros e todo o resto do mundo desapareceriam da face da Terra e que o mundo seria encoberto pelas trevas eternas.


Habilidades de Luta

Sendo o Deus do Sono, Hypnos tem a capacidade de colocar os seus oponentes em estado de sono eterno, retirando o sentido de dor da pessoa e a enfraquecendo pouco a pouco deixando-os vegetativos e indefesos. Também pode levar seus oponentes para o Mundo dos Sonhos (Yumekai) que é governado por ele. Pode também manipular os sonhos e os pesadelos de suas vítimas quando estas se encontram em estado de sono eterno, tambem possui habilidades de guerreiro avançadas.

Técnicas Secretas

Sono Eterno

Sonolência Eterna


Curiosidades

  • No diagrama da armadura de Hypnos no mangá, podemos ver a natureza de sua armadura: é uma sobrepeliz. Não uma Kamui.
  • Os ataques de Hypnos são baseados nas técnicas de Shaka de Virgem.
  • Hypnos e Thanatos parecem representar o sol e a lua, respectivamente.
  • No mangá, Hypnos tem uma estrela de 6 pontas na testa, no anime é alterado para uma estrela de 5 pontas para evitar conflitos religiosos.
  • O cabelo de Hypnos é dourado, enquanto o de Thanatos é prateado. Em Lost Canvas foi alterado para loiro.
  • Ele tem uma forma de lutar mais calma que de seu irmão.
  • No momento de sua morte, falou aos cavaleiros de bronze que seu mundo estava em perigo, o que poderia significar que Hypnos não é na verdade um deus maligno, como seu irmão, apesar de ser um subordinado de Hades.
  • Em lost Canvas, ele demonstra que admira os seres humanos pela sua forte vontade, sendo um dos poucos deuses que não tratam a humanidade com desprezo.
Espectros de Hades
Deus Hades
Rainha Perséfone
Deuses Gêmeos Hypnos (LC)  •  Thanatos  (LC)
Comandande Pandora (ND | LC)
Deuses dos Sonhos PhobetorPhantasosIcelosMorfeuOneiros
Juízes da Morte

Radamanthys (LC)  •  Aiacos (LC) •  Minos (TLC)

Suikyo  •  Vermeer

Estrelas Celestes Lune (LC)  •  Faraó (LC) •  Rock  •  Iwan  •  Flégias (LC •  Stand (LC •  Valentine (LC •  Sylphid (LC •  Queen (LC) •  
Gordon (LC) •  Caronte ( ND LC)Fiodor •  Gregor  •  Byako  •  Violate  •  Luco  •  Tokusa  •  Verônica  •  Kagaho  •  Yohma  •  ChrisPartita (sobrepeliz falsa)
Estrelas Terrestres Giganto (LC)  •  Laime (LC)  •  Niobe (LC)  •  Zeros (LC)  •  Kiew (LC)  •  Miles  •  Ox  •  MyuWimber  •  Chesire Edward  •  Kageboshi  •  Atavaka 

Mi Yan

Estrelas Desconhecidas

Espectro de Gárgula

Soldados rasos

Markino  •  Esqueletos