FANDOM


Poseidon
Poseidon.png
Nome
Simbologia Poseidon
Dados Gerais
Classificação Deus Olímpico
Escama Escama de Poseidon
Reino Oceanos
Dados Pessoais
Gênero Masculino
Tipo Sanguíneo Ikhor
Dados do Treinamento
Dados do Mangá/Anime

Poseidon é o Deus dos Oceanos e, junto de seus irmãos Zeus e Hades, é um dos três grandes dos doze Deuses do Olimpo. Teve uma participação ativa na série, sendo um poderoso antagonista. Além de Atena, foi o primeiro deus a se revelar fisicamente e o primeiro antagonista de um Guerra Santa. Cronologicamente, também foi o primeiro deus a criar trajes para um exército.

Características

Aparência

A verdadeira aparência de Poseidon nunca foi revelada.

Personalidade

Poseidon possui uma personalidade digna de um deus benevolente que almeja a paz duradoura sobre a Terra. Decorrente de tal posição como deidade, Poseidon age de forma autoritária e ávida por fazer impor sua justiça. Se mostrando um deus muito leal a seus ideais, foi capaz inclusive de ajudar seus inimigos quando o destino do mundo estava em jogo, como visto na Saga de Hades.

“O Grande Eclipse conjurado por Hades não estava predestinado pelos princípios do universo e ele não tem o direito de destruir um mundo que não lhe pertence.”

Histórico

Era Mitológica

A PRIMEIRA GUERRA SANTA DE POSEIDON.png

A primeira Guerra Santa de Poseidon

Na mitologia grega, Poseidon é um dos Doze Deuses do Olimpo e irmão de Zeus, dotado de grande poder e conhecimento por ter originado vários monstros mitológicos. Todos esses monstros são representados como símbolos nas Escamas, mas há suposições de que foram essas figuras que serviam de inspiração posteriormente para as lendas mitológicas.

Apesar de ter construído seu reino nas profundezas do mar, Poseidon sempre sonhou em ser o governante da superfície da Terra. Na mitologia grega, afirmava-se que Poseidon tinha a habilidade de criar diversas formas de vida.[1]

Poseidon, atento ao desaparecimento de Zeus, começa a se preparar para destronar Atena como divindade principal da superfície da Terra. Para isso, poderosos guerreiros foram reunidos dos sete mares, sendo denominados de Marinas.[2]

Para um Marina é destinado uma proteção nomeada Escama, produzida com Oricalco, não permitindo que qualquer arma da superfície da Terra os penetre ou os fira. Como nenhuma arma permitia aos guerreiros da Terra se protegerem dos golpes dos Marinas, eles tombavam ante os soldados de Poseidon.[3]

Os guerreiros da Terra não tinham chance perante a opressiva capacidade militar dos Marinas. Neste momento, diz-se que Hades vislumbrava, das profundezas do Mundos das Trevas, o cenário desastroso desta guerra.[4]

Devido ao seu tamanho colossal, Atlântida ficou conhecida como a “fortaleza continental”. Dizia-se que o poder de defesa de suas impenetráveis muralhas “faria o esforço de milhares de soldados em vão”. Sua existência é contada na História até hoje, como o famoso continente perdido de Atlântida.[5]

A maioria dos guerreiros da Terra morreram durante os ataques violentos de Poseidon. Por consequência, não houve outra solução: jovens e crianças teriam de lutar também. Como Atena detestava armas, estes jovens utilizavam os corpos para lutar, rasgando o céu com seus punhos e rompendo a terra com seus pés. A Deusa da Sabedoria, compadecida pelos ferimentos que os jovens recebiam, resolveu dar-lhes proteções denominadas Armaduras. Os que as trajavam eram chamados de Cavaleiros de Atena.[6]

Devido ao nascimento dos Cavaleiros, a situação da guerra mudou e Atena superou a inferioridade numérica, acabando com as ambições de Poseidon. Diz-se que ela tentou persuadi-lo a retornar para seus oceanos, porém Poseidon recusou a oferta de Atena, trancando-se em Atlântida com os Marinas, provocando um grande Dilúvio que inundou toda a Terra. O grande número de mortos causou a ira da Deusa, que enviou oito Cavaleiros até Atlântida. Ao final da violenta batalha, Atlântida foi destruída, sendo submersa pelos oito cavaleiros nas profundezas do mar.[7]

Após ter vencido Poseidon, Atena selou sua alma e enviou-a para o Polo Norte, em seguida escolhendo alguns Cavaleiros para vigiá-la. Estes Cavaleiros criaram um reino nestas terras, onde mais tarde renunciaram ao cargo de Cavaleiros de Atena e se tornaram os Guerreiros Azuis.[8]

Guerra Ática

No início de nossa era, em torno do primeiro século, Poseidon começou outra Guerra Santa contra Atena e seus Cavaleiros. Poseidon, o Imperador dos Mares, lutou contra Atena pela posse das terras Áticas e acabou sendo aprisionado pela Deusa logo após a Guerra Santa, ocorrida há milhares de anos.

Saga de Poseidon

Poseidon trident.png

Kanon descobre o tridente de Poseidon

Tudo se inicia com a prisão de Kanon no Cabo Sunion. Após várias tentativas de escapar e todas sem sucesso, ele vê um estranho brilho no rochedo dentro da caverna. Ele decide investigar quebrando-a, sem acreditar no que estava vendo. Kanon encontra o tridente do Deus dos Mares trancafiado pelo selo de Atena. Kanon tenta arrancar o tridente do rochedo e com sucesso, faz com que o cosmo contido no tridente destrua a rocha junto com o selo. Um buraco se abre no chão e ambos despencam até parar no Templo Submarino de Poseidon. Kanon entra no palácio e chega em um grande salão, onde encontra as Escamas, todas juntas com a Escama de Poseidon. No mesmo lugar está a Ânfora que foi usada na Guerra anterior para selar Poseidon com o selo de Atena.

Poseidon free.png

Poseidon é libertado da Ânfora

Kanon consegue retirar o selo fazendo com que Poseidon despertasse e pousasse sobre sua escama. Ele questiona Kanon sobre o porquê de ele tê-lo acordado e Kanon responde que o lacre se rompeu sozinho. Orgulhoso de si, Poseidon diz que sairia por conta própria e Kanon menciona sobre Atena ter despertado na terra, o que traz fúria ao Deus dos Mares. Poseidon iria despertar só quando Atena acordasse para a derrotar, mas não pensou que iria acordar tão cedo e por isso, deveria agir como nos planos. Após uma breve conversa, Poseidon além de descobrir que Atena reviveu para enfrentar Hades, menciona que sempre que vem à terra, ele usa um corpo de um dos membros da família Solo como recipiente e que naquele momento havia um menino de 3 anos na família. Então, ele decide entrar no corpo do garoto e dormir até que ele complete dezesseis anos. Poseidon pede para Kanon acordá-lo quando o garoto completar seus dezesseis anos. Após sua conversa com Kanon, Poseidon dorme no corpo de Julian Solo, porém Kanon tinha outros planos para Poseidon e seus Marinas.

Anos depois, Julian acaba de completar 16 anos e ele encontra o tridente e o toma para si, despertando parte do cosmo de Poseidon que havia nele. Desse evento até os próximos, Poseidon fica parcialmente adormecido e sem muitas ações até o fim da saga, onde ele desperta totalmente após um ataque em conjunto dos Cavaleiros de Atena. Depois de acordar, Poseidon mostra seu real poder e um cosmo que chega a tomar todo o Templo Submarino.

Poseidon extract.png

Poseidon é retirado do corpo de Julian

Com muita dificuldade, Seiya derruba o Pilar Principal, libertando Atena e sua Ânfora. Poseidon, vendo que tudo havia se perdido, começa uma onda de ataques contra Saori. Depois de desferir os golpes, ele resolve usar o tridente contra ela. Assim que Poseidon lança seu Tridente, Kanon se coloca na frente, protegendo Atena. Após isso, Atena sela novamente a alma de Poseidon em sua Ânfora.

Saga de Hades

Com uma breve participação, Poseidon toma novamente o corpo de Julian Solo para ajudar os Cavaleiros nos Campos Elísios. Ele comenta que o máximo que pode fazer é mandar as Armaduras de Ouro para que Seiya e os outros pudessem ter uma chance e que ele gostaria de fazer mais, mas que não podia devido ele estar selado na Ânfora de Atena. Nesse momento, Poseidon volta a dormir novamente.

Outras Aparições

Filmes

A Lenda dos Defensores de Atena

Nesse filme, Poseidon é mencionado pelo Mestre Ancião como um dos responsáveis diretos pelo destronamento de Abel e de seu súbito renascimento no século XX.

Os Guerreiros do Armagedon

Lúcifer diz que Poseidon, Abel e Éris uniram forças com ele para terem a sua vingança contra Atena.

Séries

Episódio G

No Episódio G é mencionada a ira de Poseidon contra o Rei Minos.

The Lost Canvas

Poseidon acordou novamente por volta do século XIII, e iniciou uma nova Guerra Santa, na qual Krest participou. Não há registros dessa luta.

Durante o século XVIII, na Guerra Santa de Atena contra Hades, o Deus dos Mares não iria acordar, porém foi forçado pelo então líder dos Guerreiros Azuis, Unity. Poseidon não tinha a intenção e não podia acordar nessa época devido ao Selo de Atena que não permitiria que Poseidon acordasse. Por esse motivo, Poseidon não tinha preparado um corpo para ele possuir e assim, Unity ofereceu o corpo de sua irmã Serafina para Poseidon mover gradualmente o seu cosmo divino da Ânfora de Atena para o corpo de Serafina com a ajuda do Oricalco.

Após o confronto entre Unity e Dégel, a proteção do Oricalco foi destruída por Pandora e, em seguida, o cosmo dos Deus dos Mares que estava no Oricalco, juntou-se ao corpo de Serafina e atacou todos os presentes no local. O Cavaleiro de Aquário sacrifica sua vida para conter o poder de Poseidon e aprisiona Poseidon, que estava no corpo de Serafina, e toda a cidade de Atlantis em um esquife de gelo gigante. Durante a despedida de Dégel, ele vê Serafina sorrindo, como se tivesse recuperado suas memórias e acalmado o cosmo instável de Poseidon.

Ômega

Poseidon foi mencionado em uma conversa entre Atena e seus Cavaleiros sobre sua irmã mais nova, Pallas. Ela descreve os Deuses que vieram à terra e fala como não sabia o destino que ela havia tomado.

Soul of Gold

Poseidon, através de Telepatia, oferece ajuda ao Cavaleiros de Ouro, enviando cinco Armaduras de Ouro para os Campos Elísios para ajudar os Cavaleiros de Bronze.

Jogos

Saint Seiya Online

No prólogo do jogo, Poseidon aparece ao lado de Hades e Ares diante dos demais Cavaleiros.

Saint Seiya Ω: Ultimate Cosmos

No primeiro jogo de Os Cavaleiros do Zodíaco Ômega, Poseidon aparece como o antagonista principal.

Habilidades de Luta

Poseidon demontrou ter um cosmo muito maior do que o de Atena, a julgar que na luta contra Shina a mesma diz q Poseidon tem um cosmo no nivel de Atena, e quando Poseidon desperta completamente, seu cosmo apenas aumenta a cada momento. Poseidon é capaz de controlar grandes quantidades de água, como os oceanos e as chuvas e com isso, ele pode causar grandes inundações no mundo. Poseidon também possui um vasto e impressionante cosmo divino, muito superior ao dos humanos. Com seu cosmo, Poseidon pode criar uma espécie de barreira que pode repelir os ataques de seus oponentes e também paralisá-los. Ele possui um Tridente que possui um incrivel poder e ele o costuma lançar em seus oponentes. Mesmo o ataque mais poderoso de Hyoga, a Execução Aurora, não conseguiu deter o poder de seu Tridente. Além disso, Poseidon consegue destruir Armaduras facilmente com seu poder telecinetico como visto em sua luta contra os Cavaleiros de Athena. Mesmo estando selado na Ânfora de Atena, Poseidon foi capaz de enviar cinco Armaduras de Ouro para os Campos Elísios.

Hospedeiros

Diferente de Atena, Poseidon opta por possuir corpos ao invés de reencarnar com um corpo próprio. Não se sabe os motivos e nem onde seu verdadeiro corpo se encontra.

Hospedeiro Julian Solo.png
Julian Solo
Hospedeiro Serafina.png
Serafina
Hospedeiro Desconhecido.png
Desconhecido

Curiosidades

  • Quando Saint Seiya foi adaptado para a língua italiana, Poseidon foi rebatizado para Netuni, seu nome romano.
  • O verdadeiro corpo de Poseidon nunca chegou a ser mostrado. No filme os Guerreiros do Armagedon, ao invés de Poseidon aparecer com seu verdadeiro corpo, ele aparece no corpo de Julian. E nesse mesmo filme, Poseidon é classificado como morto, sendo que canonicamente, Poseidon está preso na Ânfora de Atena.
  • Às vezes, Poseidon e Hades são descritos como deuses perversos, simplesmente por desejarem o controle sobre a Terra. Entretanto, ambos desejavam alcançar a paz e fazer justiça às suas próprias maneiras.
  • De acordo com as palavras de Thanatos, Poseidon tem um poder equiparado ao de Zeus e Hades

Referências

  1. O Hipermito
  2. O Hipermito
  3. O Hipermito
  4. O Hipermito
  5. O Hipermito
  6. O Hipermito
  7. O Hipermito
  8. O Hipermito

Navegação

Marinas de Poseidon
Deus Poseidon
Marinas Soldados Rasos
Comandantes Thetis de Sereia
Generais Bian de Cavalo MarinhoIo de ScyllaKrishna de ChrysaorKasa de LymnadesIsaak de KrakenSorento de Sirene (Ω) • Unity de Dragão MarinhoKanon de Dragão Marinho
Divindades
Deuses Primordiais
(Episódio G)
Urano (o Céu) • Pontos (o Mar) • Érebo (a Escuridão) • Eros (o Amor) • Gaia (a Terra)
Deuses Olímpicos ZeusPoseidonHadesAtenaApoloÁrtemisAresHermesAfrodite
Clã dos Titãs
(Episódio G)
CronosHyperionCéosIapetoCréosOceanoRéiaTêmisMnemôsineTéiaTétisFebePrometeu
Clã dos Gigas
(Episódio G)
LyaxPhloxAnemosBronteSpateZugilosHoplismaDrakonThêr
Deuses dos Sonhos
(The Lost Canvas)
OneirosMorfeuFântasoÍceloFobetor
Panteão Egípcio
(Episódio G)
AnubisApófis
Panteão Celta
(The Lost Canvas)
LugBalorEthlinn
Panteão Asteca
(The Lost Canvas)
TezcalipocaQuetzalcóatl
Panteão Romano MarteSaturnoDianaVulcanoBacoRomuloCupidoPlutão
Panteão Nordico OdinLoki
Outras Divindades TártaroCaosChronosKairosHypnosPallasThanatosDeimosFobosTifãoAbelNikéÉrisDeusEuríbiaPerséfoneApsu
Semideuses e portadores de Ikhor KardiaTenmaDohkoRadamanthysEdenShura (G) • Sigurd
Pseudodeuses AriaCavaleiro de OfiúcoFeiyanSagaBalder

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória